sexta-feira, 15 de setembro de 2017

O conto "A Moura do Castelejo" foi publicado em Memórias e Outras Coisas





O meu conto "A Moura do Castelejo", até à data inédito, foi publicado no blogue "Memórias e Outras Coisas". Trata-se de um conto baseado em algumas lendas da aldeia de Pombal em Carrazeda de Ansiães. Pode visitar esta publicação aqui http://5l-henrique.blogspot.co.uk/2017/09/a-moura-do-castelejo.html


O tema das lendas é um dos queridos deste blogue e por isso a publicação deste conto já foi precedida de um outro, há perto de um ano, que também versava a temática das lendas. http://5l-henrique.blogspot.co.uk/2016/09/salvo-conto-de-manuel-amaro-mendonca.html



Memórias e Outras Coisas, nas palavras do seu editor, Henrique Martins:
"Bragança e o Nordeste Transmontano são o mote para este espaço. A Bragança dos nossos Pais, a Nossa Bragança, a dos Nossos Filhos e a dos Nossos Netos..., a Nossa Memória, as Nossas Tertúlias, as Nossas Brincadeiras, os Nossos Anseios, os Nossos Sonhos, as Nossas Realidades... As Saudades aumentam com o passar do tempo e, o que não é partilhado, morre só... ...Traz Outro Amigo Também..."
Nestas palavras podemos perceber o mote deste interessantíssimo blogue, que sigo há já algum tempo. Graças a ele, são recordadas e recuperadas, muitas das tradições transmontanas que estavam esquecidas e quase perdidas. Neste local é dada a palavra aos transmontanos e simpatizantes para falar do seu mundo e das suas experiências. A vertente da atualidade e da história não são esquecidas e a todo o momento podemos receber artigos de última hora com notícias importantes da região, lado a lado com extensos artigos históricos de grande qualidade. Bem hajas Henrique Martins, que o teu prazer em criar estes conteúdos para nós não esmoreça e continues a brindar-nos com o teu excelente trabalho.




Reacções:

1 comentários:

Hengerinaques disse...

Grato pelas tuas, gentis, palavras.

Sem a colaboração de todos não seria possível.
A "União faz a Força".

O meu muito obrigado pela tua excelente, voluntária e qualificada colaboração.

Grande abraço.

Henrique Martins