segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

Porto Cor-de-Roxo de Fernando Morgado

 


Encontra-se à venda desde o dia 7 de janeiro, o novo livro de Fernando Morgado, escritor e poeta portuense, que já nos habituou à divulgação do seu trabalho nas páginas do Facebook. A capa, de minha autoria, com imagens fornecidas pelo próprio, é um trabalho do qual me orgulho particularmente.



Fernando Morgado

Depois da sua participação como convidado na antologia "Heranças" do grupo Pentautores (Ana Paula Barbosa, Carlos Arinto, Jorge Santos, Manuel Amaro Mendonça e Suzete Fraga), sentiu que era a altura de ter uma obra apenas sua. O momento certo para publicar o seu amor pelo Porto, a sua história e as sua gentes, sem esquecer o sotaque que nos faz tão característicos e do qual se orgulha particularmente.

Ao longo de cerca de 260 páginas, o autor conta-nos histórias de amor e histórias tristes, que muitas vezes são uma e a mesma coisa, enquanto desfia o linho e tece um tapete em texturas de amor e dor.

Com prefácio de Suzete Fraga, a autora de "Almas Feridas",  este é um livro que vale a pena ler, para aqueles que amam o Porto e também para os que aprenderão a amá-lo.

Não deixe de ler "Porto Cor-de-Roxo"



Esta obra pode ser adquirida em qualquer sitio da Amazon na internet,  através do e-mail do autor ou poderá mesmo contacta-lo diretamente pelo Facebook.


2 comentários:

Suzete Fraga disse...

Muito feliz com a estreia do nosso amigo Fernando Morgado! Desejo-lhe as maiores felicidades, visto que o sucesso é garantido.

Fernando Morgado disse...

Diz-se, na gíria, que com amigos destes ninguém morre na cadeia, mas apetece-me contrariar este chavão, com amigos destes prendemo-nos na amizade. Uma cadeia sem grades, uma cadeia de energias positivas, uma corrente infindável de afectos, e é com eles que eu vou trabalhando a minha escrita.
Dizem que a imaginação dá muito trabalho, pois é por aqui que os amigos contam, e muito. Escrever é um acto de prazer, servir esse prazer aos prazeres alheios é uma tarefa árdua. Obrigado, Manuel Amaro por estares comigo nessa parte importante deste meu livro.
Um abraço.